Autor: Bruno Feros

Natural da capital fluminense, é jornalista, designer gráfico e multimídia, realizou seus estudos no Brasil e Espanha, hoje é responsável por projetos na área, tanto nacional e internacional, é apaixonado por artes, viagens e música, atuando como DJ, além de fazer da leitura o seu principal hobby.

Nascida e criada em Liverpool, Laura Doyle, com sotaque de Liverpool e cabelos ruivos que denotam suas raízes irlandesas, já se apresentou em alguns dos maiores festivais Britânico de jazz, como o “Love Supreme”, “Ealing Jazz” e no “Philharmonic Hall”, em Liverpool, onde abriu para Gilberto Gil sua turnê pelo Reino Unido. Com o pseudônimo “Baiana”, a artista de Jazz Brasileiro, lançou recentemente o álbum Baiana, no qual se manteve por 12 semanas no topo da lista A da playlist Jazz FM, com seu primeiro single “Saudade Samba”. Gravado no famoso Motor Museum de Liverpool e no principal estúdio de música de…

Leia mais

Susi Sielski Cantarino, é uma artista plástica, argentina radicada no Rio desde 1988, e diretora da Galeria de Arte Metara. Ela nasceu em Buenos Aires. Formou-se em Belas Artes em Israel. Nomeada “Esta é Carioca” pelo prefeito Cesar Maia desde 1991, ela também é nomeada embaixadora do Rio pela fundação Cesgranrio, Rio de Janeiro. Com uma personalidade guerreira incansável, consegue através da sua arte com talento, criatividade e vasta cultura, superar desafios e concretizar sonhos em grandes empreendimentos. Em 2005 a artista participou do Prêmio Internacional “Lorenzo il Magnifico” onde obteve a 2ª colocação na Bienal de Florença, Itália, na…

Leia mais

Pablo Sycet é um dos grandes artistas espanhóis e um dos pintores andaluzes essenciais da geração dos anos oitenta. Ele nasceu em Gibraleón em 1953. Formou-se em 1985 com uma bolsa de estudos para Nova York do Comitê Conjunto Hispânico Norte-Americano para cooperação cultural. Possui em seu currículo inúmeras exposições individuais e coletivas, visto que seu trabalho é muito prolífico. A sua exposição “los papeles de Olont”, no Convento del Vado, em 2007, está profundamente gravada na memória do povo de Olont. Muitas das suas obras fazem parte de museus e coleções de prestígio como o Museu Vázquez Díaz de…

Leia mais

Descrito como “um pianista de gosto impecável e refinado, dono de um toque caloroso” pelo The Telegraph, a carreira internacional de Javier Perianes abrange cinco continentes, levando-o a alguns dos locais mais prestigiados do mundo, tocando com maestros como Barenboim, Dutoit, Dudamel, Mehta, Maazel, Frühbeck de Burgos, Harding, Temirkanov e V. Petrenko, entre outros. Apresentou com orquestras como Wiener Philharmoniker, as orquestras sinfônicas de Chicago, Boston, São Francisco e Atlanta, Orquestra de Cleveland, Filarmônica de Nova York , Filarmônica de Londres, Filarmônica de Israel, Sinfônica de Londres e Orquestra de Paris, entre outras. Músico de câmara natural e entusiasta, colabora…

Leia mais

A Torre de Hércules é o ícone da cidade da Corunha (La Coruña) e um dos lugares mais emblemáticos de toda a Galiza. Construída na cidade de Brigâncio (atual A Corunha), pelo arquiteto lusitano, Caio Sévio Lupo, natural da cidade de Emíno (atual Coimbra), nos tempos do imperador Trajano. É considerado o farol romano ativo mais antigo do mundo e foi declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO em 2009. Durante o Império Romano, a cidade de A Corunha, então conhecida como Brigantium, tornou-se um dos enclaves mais importantes para os romanos em termos de tráfego marítimo, pois era um ponto…

Leia mais

Nessa segunda parte, veremos mais quatro ilhas do arquipélago galego, apesar de essas não fazerem parte do Parque Nacional Marítimo Terrestre das Ilhas Atlânticas, fascinam por suas belezas naturais e histórias incríveis. Ilha de São Simão e São Antônio As ilhas de São Simão e São Antônio, unidas por uma ponte de pedra, situada no município de Redondela da província de Pontevedra, Galiza, são um enclave excepcional e paradisíaco situado na enseada da Ria de Vigo, com uma forte representação simbólica coletiva ligada aos seus vários papéis ao longo da história: testemunho de tragédias marítimas, referência literária idílica de poesia…

Leia mais

Uma realidade tingida de tons turquesa e esmeralda, baías naturais de águas calmas e rasas, situado no Parque Nacional Marítimo Terrestre das Ilhas Atlânticas, um paraíso de areia, sol, cores intensas e muita história, algumas das melhores ilhas atlânticas da Galiza para desfrutar de umas boas férias. Ilhas CíesIlhas OnsIlha de SálvoraIlha de Cortegada Deve-se reconhecer que as Ilhas Cíes têm areia fina, mar azul-turquesa e muita natureza intocável. Há ainda a possibilidade de se fazer caminhadas por algumas rotas marcadas que permitem aceder a belos faróis e miradouros impressionantes, sempre acompanhados pelo grasnar de milhares de gaivotas, uma das maiores colônias,…

Leia mais

Renato Marques, brasileiro, carioca e suburbano. É interessante como uma palavra pode soar de forma pejorativa e ao mesmo tempo muito forte quando quem a carrega sente orgulho. Quem é o artista de múltiplas faces e por qual razão escolheu uma cultura estrangeira como sua forma de expressão? Adolescente, ingressei no meu estudo em artes cênicas sem nenhum tipo de pretensão artística e, sim, como forma de lidar com minha timidez. Um dia, durante uma aula de teatro, tivemos que mudar de sala e no espaço anexo em que faríamos a aula, estava acontecendo uma aula de dança de salão.…

Leia mais

A Rioja Na Espanha existem diferentes Denominações de Origem para os vinhos, A Rioja está entre as mais importantes. Localizada no nordeste Espanhol, próximo ao rio Ebro, ela divide-se em Rioja Alavesa, Rioja Alta e Rioja Baja. Antes, é preciso saber que os vinhos de Rioja, aqueles feitos sob a Denominação de Origem Qualificada Rioja (D.O.C), não significa que esses vinhos são provenientes apenas da comunidade autônoma da Rioja. A maioria deles vem de lá, mas também são produzidos na região de Álava do País Basco e, em menor grau, nas áreas de Navarra e Castilha e Leão. O vinho…

Leia mais

A Galiza, localizada no extremo noroeste da Espanha, é bastante conhecida devido a peregrinação ao Caminho de Santiago de Compostela, além da sua natureza fascinante de suas paisagens, sobre isso, não temos dúvidas! No entanto, é pelos seus vinhos que souberam levar a sua qualidade, e cada vez mais pessoas sabem apreciar as diferentes variedades que lá são cultivadas, cuja produção é regulada pelas 5 Denominações de Origens (Rias Baixas, Ribeiro, Ribeira Sacra, Monterrei e Valdeorras), abrangendo atualmente alguns dos melhores vinhos do mundo que iremos conhecer. Rias Baixas É a mais famosa das cinco denominações galegas, e também a…

Leia mais